25 de novembro de 2010

As vezes eu me pego fazendo uma pergunta, porque de quando digo a alguém: "EU GOSTO DE VOCÊ!", a pessoa me entende assim: "EU TE AMO COM TODA FORÇA DO AMOR QUE EXISTE DENTRO DE MIM! SEM VOCÊ MINHA VIDA NUNCA MAIS SERÁ A MESMA... ...SEM VOCÊ SOU UM BARCO A DERIVA...", quando no fundo, o que eu realmente quis dizer foi: "EU GOSTO DE VOCÊ, TANTO QUANTO POSSO, DENTRO DAS LIMITAÇÕES DESSA RELAÇÃO E DESSE MEU MOMENTO DE VIDA! ...DENTRO DAS MINHAS PRÓPRIAS LIMITAÇÕES, DOS MEUS MEDOS E DOS MEUS FECHAMENTOS...".

...enfim!

Um comentário:

Aquela Que Escreve disse...

Eu gosto de você.